Lei Orçamentária para 2020 tem primeira aprovação em sessão do Legislativo de Brumado(Foto: Ascom | CMB)

De autoria do Poder Executivo, o Projeto de Lei 33/2019, o qual estima a Receita e fixa a Despesa do Orçamento Anual do Município de Brumado para exercício financeiro de 2020, foi aprovado em primeira votação por 10 votos, tendo duas abstenções dos vereadores Palito e Elias Piau. A segunda votação ficará para essa quarta-feira (18) em sessão extraordinária, onde as discussões deverão ser mais intensas, tendo a questão do remanejamento como ponto principal. Segundo os vereadores oposicionistas, aprovar 60% de remanejamento seria sacrificar setores importantes como o da Cultura e do Esporte. As negociações de bastidores podem equalizar o impasse com o Executivo que não sancionou a lei que concede o aumento para os vereadores para 2012, mas o projeto, ao que tudo indica deverá ser aprovado. A previsão orçamentária é de R$ 208 milhões, sendo que 25% é para a Educação e 15% para a Saúde, tendo ainda o limite prudencial de 54% para o funcionalismo público, que, atualmente gira em torno dos 45%.